sexta-feira, janeiro 11, 2008

Porquê este ódio aos plátanos?
















Este verdadeiro "museu dos horrores" foi fotografado por Miguel Rodrigues, na Galiza (em Tuy e Tomiño).



O mal dos outros nunca me consolou e, por este motivo, saber que em Espanha se exercem igualmente este tipo de práticas sobre as árvores, não me faz menos infeliz. Gostava apenas de compreender, ainda que por segundos, o que se passa no interior das mentes que ordenam e executam estas acções.
Existe o costume de dizer que os espanhóis são os "nuestros hermanos"; de acordo, mas não precisamos de copiar as asneiras uns dos outros, pois não?

2 comentários:

Jardineira aprendiz disse...

Para os moldar à nossa imagem e semelhança (?) Já que nós não conseguimos ser grandes, tornamo-los a eles pequenos e atarracados.

Isto é só uma divagação. Mas acho que acredito nela.

Pedro Nuno Teixeira Santos disse...

"Pequenos e retorcidos" como nós...é bem capaz de ser isso.