segunda-feira, dezembro 24, 2007

I'm dreaming of a white Christmas

Covilhã sob forte nevão (vista do meu quarto na manhã de quarta-feira de cinzas, 1991-02-13)

Ao contrário da minha irmã e dos meus pais, não me recordo de nenhum Natal branco; mas recordo-me de alguns Carnavais com bastante neve, como este da imagem.

Não foi apenas a neve que ficou no passado...Também o enorme plátano (quase imperceptível sem folhas), bem no centro da fotografia (ver ampliação do mesmo sob este parágrafo), foi sacrificado em nome do progresso; decepado para dar lugar a mais um mamarracho.



Era a primeira coisa a chamar a minha atenção, ao acordar, quando levantava a persiana. Foi crescendo comigo e, de alguma forma, é uma das árvores da minha vida.

Inevitavelmente, as coisas da nossa vida, sobretudo se forem árvores, parecem destinadas a ter uma duração muito limitada...


P.S. - Apesar desta introdução um pouco tristonha, desejo a todos os que têm a paciência de me ler e que comigo partilham o amor pelas árvores, um Natal muito feliz.

3 comentários:

Jardineira aprendiz disse...

Sobre as coisas com duração limitada, os budistas têm uma perspectiva mais sensata que nós sobre isso, chamam-lhe impermanência. Mas eu compreendo bem essa tua tristeza.

Tem um natal feliz, e a esperança que em 2008 muitas novas árvores nascerão!

nuvea Santos disse...

Hello,
I'm hoping you won't mind that I write in English. I can write (badly) in Portuguese if it easier for you to reply. Let me know.
I have a small farmstead that I am restoring in the Parque Natural da Serra de Aire e Candeiros. There are currently about a dozen olive trees on the land that need serious help. Do you have any suggestions? Also, I would like to plant some more trees on the land. Am I limited only to olive trees, or are there other native trees that are appropriate for that zone. Some of my neighbors have planted pines. I don't know what kind. I would like to stick to native, indigenous trees that are able to withstand high winds and minimal irrigation.
I live in the U.S. and spend summers in Portugal, but I'd like to start planning my gardening now.
Any advice?
Thank you,
Nuvea

Pedro Nuno Teixeira Santos disse...

Hello Nuvea,

Thank you for your questions. Now it's my time to ask for some comprehension on my poor English.

About the question related to the olive trees:

I recommend you the only two Portuguese companies I know that are specialized on tree maintenance:
Planeta das Árvores(http://www.planetadasarvores.com/)
Árvores & Pessoas(http://www.arvores-e-pessoas.com.pt/)

About the native trees on that area (serra de Aires e Candeeiros):

Quercus ilex (holm oak); Quercus suber (cork oak); Quercus faginea (portuguese oak); Pinus pinea (stone pine); Olea europaea L. subsp. europaea var. sylvestris (wild olive tree); Arbutus unedo (strawberry tree) and Laurus nobilis (sweet bay) would probably be the dominant native trees/shrubs.


I hope my answer will be useful for you.

All the best,