sábado, dezembro 30, 2006

Cada país tem os ministros que merece

O Expresso de hoje traz na secção de Economia, um artigo intitulado "Os melhores ministros dos últimos 30 anos". Esta notícia ”aparentemente inofensiva” chamou-me a atenção pelos seguintes factores: um painel constituído pelos "principais líderes empresariais e financeiros do país" (na opinião do Expresso, entenda-se) elegeu os ministros Mira Amaral e Álvaro Barreto, como os melhores ministros da Economia no Portugal pós-25 de Abril.

Não vou discutir nem a personalidade, nem a competência e a honestidade das pessoas em causa. O Expresso traz até um interessante "auto elogio" de Mira Amaral, o que eu até nem discuto, num país onde as “falsas modéstias” são insuportáveis.

O que me causou espanto foi apenas o seguinte: então o Sr. engenheiro Mira Amaral não se lembrou de enunciar como sua, aquela famosa frase de que o eucalipto era o nosso "petróleo verde"?! Aqui fica-lhe mal a modéstia...os portugueses já não sabem passar sem a cíclica "época de fogos" e todos agradecemos o seu contributo para os nossos "piroverões".

Alguém um dia neste país lhe será fará justiça, pelo muito que a “eucaliptização” tem contribuído para o despovoamento do país e para o abandono do mundo rural; pelo muito que a “eucaliptização” tem contribuído para a real desertificação de partes significativas do território, com a perda de solos, de biodiversidade e demais impactos negativos. Como decerto também haverá quem lhe agradeça pelo impulso a essa indústria pujante que vive dos incêndios florestais...

Claro que não deixará que esses louros lhe sejam atribuídos em exclusivo...muitos outros governantes, autarcas e outros altos funcionários públicos foram “cúmplices” nessa tarefa de “eucaliptizar” a pátria lusa. Mas, de entre todos, como olvidar o Sr. engenheiro Álvaro Barreto e a sua acção enquanto ministro da Agricultura...eu sou daqueles que estou perfeitamente convencido que foi a mais pura das coincidências, o facto do senhor engenheiro tanto se ter batido pela “eucaliptização” do país e o facto de, posteriormente, se ter tornado membro do conselho de administração da Soporcel.

Se estes foram os nossos melhores ministros...talvez se entenda o "porquê" do país estar como está!

2 comentários:

Paulo Sempre disse...

Blogue Interessante.
Obrigado
Feliz Ano de 2007
Abraço
Paulo

Pedro Nuno disse...

Obrigado pela visita e elogio; também já tive oportunidade de dar uma "espreitadela" aos "Filhos de um deus menor" e gostei, nomeadamente de um texto sobre o Alentejo (pelo qual também partilho uma enorme paixão...)

Bom ano de 2007

Abraço