quinta-feira, maio 31, 2012

Amar o verde das nossas cidades

Porque não há ruas bonitas sem gente que ame e proteja as suas árvores, esta vitória é toda do povo de Porto Alegre e, permitam-me o destaque, em particular dos amigos da Rua Gonçalo de Carvalho, porque sem o seu trabalho pioneiro, porventura este dia nunca teria acontecido.

Possa esta lei de de defesa das ruas com túneis verdes servir de exemplo para outras cidades do mundo, em particular do mundo da lusofonia.

Vitória das Árvores!

Rua Gonçalo de Carvalho - Foto: Ricardo Stricher/CMPA
Câmara Municipal aprova Lei que preserva inúmeros Túneis Verdes em Porto Alegre

Uma importante vitória da cidadania e das ÁRVORES de Porto Alegre!
Vitória não apenas dos cidadãos de Porto Alegre, de todos os que demonstraram seu apoio de lugares tão distantes de nossa cidade, no Brasil e no exterior.


Vitória também do português Pedro Nuno Teixeira Santos e inúmeros amigos das árvores espalhados por todo o planeta. Alguns, como o Pedro, foram citados no convencimento final de vereadores ainda indecisos!

Vereador Moesch mostra revista que fala dos Túneis Verdes de Porto Alegre
Uma revista com matéria sobre a Rua Gonçalo de Carvalho, com especial destaque para os elogios do Pedro Nuno Teixeira Santos que a chamou de "Rua Mais Bonita do Mundo", passou pelas mãos de vereadores e foi fundamental para a decisão de alguns votos. A vitória também é dessas abnegadas pessoas que não moram aqui e em sua grande maioria nem conhecem AINDA nossos Túneis Verdes.
As árvores de Porto Alegre agradecem a todos vocês!!!

Rua José Bonifácio - Foto: Amigos da Rua Gonçalo de Carvalho
Rua Couto de Magalhães - Foto: Amigos da Rua Gonçalo de Carvalho
 
No Jornal do Comércio:
Porto Alegre aprova a lei dos túneis verdes
Bárbara Gallo
A Câmara Municipal aprovou ontem o projeto que declara os chamados túneis verdes como áreas de uso especial - de caráter ecológico, turístico e cultural. O texto, de autoria do vereador Beto Moesch (PP), passou em plenário com 26 votos favoráveis e um contrário. A emenda 23 - protocolada há poucos dias por João Carlos Nedel (PP), que votou contra o texto do projeto - era o ponto mais polêmico da discussão e acabou sendo rejeitada.

A modificação buscava suprimir integralmente o artigo número 7, que delegava a declaração dos logradouros com as características de áreas especialmente protegidas a instrumentos normativos como decretos, resoluções de conselhos, portarias ou leis municipais.

O progressista reprovou firmemente a redação do item, alegando ser inconstitucional e ilegal a forma de determinação das áreas de uso especial. “A implementação de áreas especiais nos túneis verdes não precisa ser restringida, desde que seja feita legalmente e não por portarias e decretos de conselhos quaisquer e indefinidos. É um absurdo ele (Moesch) retirar prerrogativas legais da Câmara para que qualquer secretaria possa emitir um documento com essa finalidade. Estamos dando um cheque em branco para que qualquer um o faça até por meio de atas”, criticou Nedel.

Moesch, terminantemente contra a posição do correligionário, também manifestou sua decepção com outra proposta de Nedel, que determinava que a confirmação dos logradouros enumerados no projeto como túneis verdes fosse submetida à prévia aprovação de pelo menos dois terços dos moradores da região, através de consulta popular. “Eu não seria contra essa emenda se, para o alargamento de ruas, também fosse aplicado o mesmo critério”, alfinetou. 
...
Aqui a matéria completa do JC: http://jcrs.uol.com.br/site/noticia.php?codn=94788
O derrotado vereador Nedel, votou contra o projeto dos Túneis Verdes.


Vias contempladas:

Rua Paraíba - Foto: Amigos da Rua Gonçalo de Carvalho

Durante a votação, oito vias foram incluídas e seis foram retiradas do projeto por meio de emendas.
Os logradouros beneficiados foram a Av. Ganzo; Av. Guaíba; Av. José Bonifácio; Av. Lageado, no trecho entre a Av. Carlos Gomes e a Av.Palmeira; Av. Osvaldo Aranha; Av. Padre Thomé; Av. Polônia; Beco Quinze de Novembro; Beco Um – Rua Dra. Vera Glusman Knijnik; Praça Dr. Maurício Cardoso; Praça Hercílio Ignácio Domingues; Praça Paraíso; Praça Prof.ª Zilda Wilhelm Coelho; Rua Apolinário Porto Alegre; Rua Augusto Totta Rodrigues; Rua Barão de Santo Ângelo; Rua Barreto Leite; Rua Bazílio Pellin Filho; Rua Carajá; Rua Casemiro de Abreu; Rua Cel. Corte Real; Rua Dario Perdeneiras; Rua Dinarte Ribeiro; Rua Dona Laura; Rua Dr. Castro de Menezes; Rua Dr. Timóteo; Rua Dr.ª Vera Glusman Knijnik; Rua Duque de Caxias; Rua Eça de Queiroz; Rua Farnese; Rua Felicíssimo de Azevedo; Rua Félix da Cunha; Rua Fernando Gomes; Rua Florêncio Ygartua; Rua Gen. Couto de Magalhães; Rua Gen. Souza Doca; Rua Goitacaz; Rua Gonçalo de Carvalho; Rua João Mendes Ouriques; Rua Luciana de Abreu; Rua Luzitana; Rua Machado de Assis; Rua Mariante; Rua Marquês do Pombal; Rua Miguel Tostes; Rua Nossa Senhora Aparecida; Rua Olavo Barreto Viana; Rua Padre João Batista Reus; Rua Pão de Açúcar; Rua Paraíba; Rua Pelotas; Rua Picasso; Rua Prof. Emílio Meyer; Rua Prof. Ildefonso Gomes; Rua Ramiro Barcelos, no trecho entre a Av. Osvaldo Aranha e a Rua Gonçalo de Carvalho; Rua Saicã; Rua Santa Terezinha; Rua Silveiro, no trecho entre a Rua Otávio Dutra e a Rua Hipólito da Costa; Rua Simão Bolívar; Rua Tomaz Flores; Rua Visconde de Camamu; Rua Prof.ª Santa Bárbara; Rua Santa Cecília; Travessa Guianas; bem como as vias acrescentadas por emendas: Érico Veríssimo, da Ipiranga até a avenida Borges de Medeiros; Fábio Araújo Santos; Rua Professor Langendonck; Rua Carneiro da Fontoura; Rua Álvares Machado; Rua Borges do Canto; Rua Vitor Hugo; e Rua Farias Santos.

Rua Pelotas - Foto: Amigos da Rua Gonçalo de Carvalho

As vias suprimidas foram as Av. Borges de Medeiros, Av. Getúlio Vargas, Av. Cel. Marcos, Terceira Perimetral, Av. Wenceslau Escobar e Estrada Cristiano Kraemer.

(Com informações do gabinete do vereador Beto Moesch)




NOTA: Texto retirado do blogue Amigos da Rua Gonçalo de Carvalho.

1 comentário:

Fabiano Mayrink disse...

Ola pedro! gostaria de uma ajuda sua se possível..

eu ganhei 2 bolotas de carvalho de uma amiga que foi visitar Portugal, as bolotas foram colhidas em um bosque a menos de três semanas, eu moro no Brasil e o clima é tropical, e agora aqui é outono mais o clima na minha região nunca despenca,

voce sabe como eu posso germinar estas bolotas? um abraço

fabianom@live.com